quinta-feira, 21 de dezembro de 2006

Uma idéia na cabeça e um pendrive na mão

Pra q vc precisa de uma máquina com todos os seus dados gravados? Por que vc precisa de um trambolho na sua mesa de trabalho ou na sua casa? E no seu colo, pra q aquele aparelho caro e que esquenta sua genitália?

Por q vc não compra somente um pendrive colorido, com adesivos gosmentos da sua banda favorita e usa a primeira máquina que aparecer na sua frente?

Sim, eu sei bem responder a essa última pergunta. Vc não faz isso pq não tem como.

Pois, prepare-se. Carregar um pendrive ou outro token qq com tudo que vc precisa e usar sua "plugatividade" para entrar no mundo virtual é uma tendência inegável. Eu achava que isso ia demorar ainda uns 12 anos. Mas, fiquei surpreendido com uma notícia que mostrava que a IBM acabara de lançar uma versão do Notes com essa função.

O Notes é um padrão de comunicação em grandes corporações que são superinformatizadas, mas ainda vivem na era do hardware, do CIO, do windows e do mundo antes do P2P.... (EX.: todos os gdes bancos brasileiros e as principais indústrias de bens de consumo).

Ou seja: se o Notes avançar 20 anos em uma atualização, boa parte dessas emrpesas - que ditam o modelo de comportamento no mundo dos negócios - tb vai avançar... .Daí....

daí eles chegam no patamar que estamos --> e de onde já estamos saindo....

X-X

1 comentários:

Tiago Madeira disse...

Eu gosto de instalar programas portables no meu pendrive. Você pode ter pelo menos navegador, e-mail e agenda com tudo dentro.

Eu também instalei um Linux num pendrive uma vez, mas é muito difícil achar um computador que boote pela USB.

Isso parece bem interessante... Mas acho que ainda vai demorar pra funcionar.

Marcadores em Destaque

 
Template design by Amanda @ Blogger Buster